terça-feira, 4 de setembro de 2012

A Escrava Missionária


Essa é uma menina muito linda e graciosa. Seu nome ninguém sabe pois ela foi roubada.


Um dia quando brincava no quintal de sua casa, em país distante chamado Israel, os soldados Sírios, que estavam guerreando contra a nação dela, chegaram montados em seus cavalos e a levaram como escrava.


Ao chegar naquela terra, tão longe de sua casa, a menininha, coitada, foi entregue na casa de seu senhor. Longe de sua família e em um país distante e pagão, onde não se falava nome de Deus, tudo era muito triste.



Enquanto secava as lágrimas, que de seus olhos caiam, ela examinava a casa. Oh! Como era bonita! Parecia um palácio! Lindos vasos, muitas flores, tudo muito bem cuidado.



A menininha parou, o coraçãozinho batendo depressa: tuc, tuc, tuc. Quem seria afinal, o seu senhor? O que faria agora? Para seu alívio, a espera não foi muito longa. Logo chegou a notícia de que seria serva da senhora dona da casa.



Depois de haver descansado da longa viagem pelo deserto, foi conhecer a sua senhora e ficou muito contente ao ver que era bondosa. Era tão linda, tão meiga, mas o seu sorriso era triste! Os dias foram passando, e a escravazinha ficou sabendo que seu patrão estava doente e que a esposa dele sofria muito com isso.



Seu nome era Naamã. Ele era o general do exército do rei. Um homem muito importante mas com uma grave doença. A escravazinha israelita sentiu pena dele, e ficou triste por ele mas, lembrou que em Israel havia um homem chamado Eliseu. Ele era profeta de Deus, e poderia ajudá-lo.


Sem perder tempo e com firmeza, contou para sua senhora o que o Deus de Israel poderia fazer pelo seu amo. A senhora animou-se e foi depressa contar a boa nova para o general.


Rápido, Naamã correu, pegou seu cavalo e... trot, trot, trot... foi galopando para Israel a procura de Eliseu. Ao chegar em Israel, o profeta do Deus vivo mandou que o general sírio mergulhasse sete vezes nas águas escuras do rio Jordão. Naamã era orgulhosos e disse não. Afinal, havia rios melhores em sua terra.


Mais tarde, porém, pensando melhor, resolveu fazer o que o profeta lhe dissera.


Foi até as margens do Jordão e então mergulhou. Uma, duas, três, ...


quatro vezes... e nada! Cinco, seis e finalmente sete vezes! Pronto! O milagre aconteceu. A doença sarou, e sua carne ficou limpa e sã.


Alegre voltou para casa, e todos ficaram felizes. O sorriso voltou aos lábios da senhora e tudo isso aconteceu porque uma menininha escrava falou sobre o poder do Deus verdadeiro naquela terra estranha. E nisso fica a lição. Não importa aonde estamos, seja aqui, ou acolá, devemos sempre lembrar de pregar o evangelho.


Naamã era um homem importante mas sofria de uma grave doença. Uma pequena escrava, no entanto, sabia o que ele devia fazer para ser curado.



Esse é um livreto muito antigo da editora CPAD, e infelizmente não é mais produzido, por isso quero compartilhar com você e permitir que ele continue sendo útil, até quando e onde Deus quiser!

9 comentários:

  1. Obrigada irmão Fausto por compartilhar essas pérolas conosco.
    Seu blog é uma bênção para quem ensina a Palavra de Deus as crianças.

    ResponderExcluir
  2. Irmão Fausto, gostei muito conhecer seu blog através do blog de Lucy Fruto do Espirito. Trabalho com juniores na Escola bíblica e seu blog vai ser muito proveitoso para mim. Obrigada por dividi-lo conosco. Deus continue te abençoando. Venha também conhecer meu blog Jesus meu porto seguro. Espero vc. Lá.
    Graça e paz, com todo meu carinho.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. rmã Nal Pontes... Graça e Paz! Seja bem vinda a esse grupo de amigos que tem por abjetivo glorificar a Cristo. Sei que a irmã já o faz por sua vida e site, parabéns! è uma honra ter seu apoio e carinho. Que Deus continue te inspirando. E conte com meu apoio!

      Excluir
  3. Grupo Teatral Crescendo com Deus... Graça e Paz! Sejam bem vindo ao nosso espaço infantil de evangelização. Essa modalidade de evangelismo é muito importante e já vi que vou ter que visitar vosso espaço muitas vezes! Fiquem com Deus!

    ResponderExcluir
  4. Miriam Dias... Graça e Paz! Quero agradecer por se tornar seguidora do blog. Seja bem vinda! Parabéns também por sua página e dedicação com os pequeninos. Vai nessa tua força que Deus é contigo. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  5. Jacqueline... Graça e Paz! Nossa mais nova seguidora. Seja muito bem vinda. Estou feliz por poder contar com seu incentivo. Não consegui verificar se vc tem site, caso tenha me mande o endereço para eu visitar. Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  6. Ô, Fausto...

    Não precisa ser um escritor nato para escrever algo para o Senhor Jesus, não...

    Fique à vontade para escrever sim, o que quiser, e eu posso te dar uma ajudinha também.

    Deixar fluir e acontecer? É só começar!

    Obrigada pelo carinho e pela presença em meu bloguinho, ainda que esporádica. Eu sei que o Eterno está com você e com sua família, e que é Ele mesmo que sempre te leva lá.

    Beijo no seu coração adorador.

    Paz e Graça.

    ResponderExcluir
  7. A Paz do Senhor Jesus Tio Fausto!
    Deixei um selinho para o "Apascentar os Pequeninos" no meu Blog.
    Jesus abençoe sua vida e seu ministério!
    Dani Criações - Ministério Infantil
    http://danicriacoes.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dani... Graça e paz! Obrigado pela vista e comentário. Quero agradecer pelo selo também, é uma benção podermos falar do amor de Jesus! Parabéns pelo seu trabalho, que está cada vez melhor. Ainda quero lhe oferecer outros dois selos, que pelo que vi vc não os recebeu ainda. São eles 'Blog de Ouro' e 'Olha que Blog Maneiro'. Continue incansável e criativa. Ah! VC viu a resposta que deixei no blog em resposta a sua pergunta sobre o CD Cantando as Histórias da Bíblia? Fique com Deus e um forte abraço!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...