Tradutor

domingo, 16 de janeiro de 2011

O Fariseu e o Publicano


Dois homens foram ao templo para orar: um deles era fariseu, o outro, publicano. O fariseu, de pé, orava: -Ó Deus, graças te dou porque não sou como os demais homens - ladrões, injustos, adúlteros, nem ainda como este publicano. Jejuo duas vezes por semana, pago o dízimo de tudo que ganho, sempre dou esmolas boas para os pobres.


O publicano, também em pé, não conseguia levantar os olhos ao céu, sentia tanta vergonha e respeito pelo Senhor que não tinha coragem de olhar para cima.


Batia no peito, dizendo: -ò Deus! Sei que sou um pecador e que não mereço teu perdão. Ai de mim! Mas tem compaixão e, perdoa meus pecados.


Certamente, o publicano foi embora perdoado  consolado, mas não o fariseu.


Porque todo aquele que a si mesmo exaltar será humilhado. Mas o que a si mesmo humilhar será exaltado!


Texto: Guilherme M. dos Santos
Ilustrações: Marcelo Muller
Assessoria Pedagógica: Neusa Felipo
Esse é um produto da



Vc gostou dessa parábola? Ela compõe o kit 'Parábolas - Ensinamentos de Jesus', que vem com oito livros e um CD Rom, da Editora Bicho Esperto. No CD Rom tem jogos, músicas e atividades. Acesse http://www.bichoesperto.com.br/
e conheça outros lançamentos.




Obs. VC pode adiquirir esse material em qualquer loja do ramo! E se quiser, pode se tornar um representante!

(*Postado com Permissão)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...