terça-feira, 23 de outubro de 2012

José

José dá-se a conhecer
Gênesis 45 (Parte XIX)
1 JOSÉ NÃO podia mais agüentar tudo aquilo. "Saiam todos vocês, " ordenou ele a todos os que estavam ali. E ficaram somente José e os irmãos dele. 2 Então José chorou. E as exclamações e os soluços eram tão altos, que podiam ser ouvidos pelos egípcios que estavam nas outras partes da casa. Até do palácio de Faraó podiam ouvir José chorando!


3 "Eu sou José, " disse ele aos irmãos. "Meu pai ainda está vivo? " Mas os irmãos nem puderam responder, tal foi o espanto. 4 "Cheguem mais perto, " disse José. Eles chegaram. José continuou: "Eu sou José, o irmão que vocês venderam ao Egito.


5 "Agora, nada de tristeza! E não fiquem com raiva de vocês mesmos, por me terem vendido. Deus me mandou na frente de vocês para conservar a vida, por meu intermédio. 6 "Porque o mundo já passou por dois anos de fome, e a fome vai durar mais cinco anos. Durante este período de tempo, ninguém terá plantações nem colheitas. 7 "Deus me mandou primeiro que vocês. Fez isso para continuar a sua linhagem e os seus descendentes, e para manter a vida de vocês por meio de um grande livramento. 8 "Assim se vê que não foram vocês que me mandaram para cá mas, sim, Deus. E Deus fez de mim um verdadeiro pai para Faraó, senhor da casa dele e governador de todo o território egípcio. 9 "Agora, não percamos tempo! Vão depressa para casa e digam ao meu pai que José, o filho dele, mandou este recado: Deus fez de mim o senhor de todo o território do Egito. Venha para cá o quanto antes. 10 Uma região boa para o senhor morar é a terra de Gósen. Assim o senhor estará sempre perto de mim. Não só o senhor, mas também os seus filhos, os seus netos, os seus rebanhos, o seu gado - enfim, tudo que o senhor tem. 11 Vindo para cá, será fácil providenciar o seu sustento. Porque vamos ter ainda cinco anos de fome universal. Faça o que estou dizendo, para que não caia a pobreza sobre o senhor, a sua família e tudo o que é seu. 12 "Vocês - que são filhos de Israel como eu - podem ver com os seus próprios olhos que eu sou mesmo José. E Benjamim - que é filho de Raquel como eu também vê com os seus próprios olhos que é verdade o que estou dizendo. 13 "Descrevam ao meu pai a brilhante posição em que estou no Egito. Contem a ele tudo o que vocês viram. Mas não se demorem. Vão logo buscar o meu pai! "


14 Acabando de falar estas coisas, José se lançou ao pescoço de Benjamim, e chorou. Ali ficaram os dois abraçados e chorando. 15 Depois José, chorando ainda, beijou todos os irmãos dele. Só então eles puderam falar com José. 16 A notícia correu e chegou ao palácio real. "Estão aqui os irmãos de José, " comentavam. Faraó gostou da notícia. 17 Disse ele a José: "Diga a seus irmãos: Carreguem os seus animais e voltem à terra de Canaã. 18 Chamem o seu pai e as suas famílias, e tragam todos eles para cá. Venham falar comigo, e eu darei a vocês terras do melhor tipo. E vocês terão sustento com fartura. " 19 Não parou aí a boa vontade de Faraó. Disse ele ainda José: "Diga a seus irmãos que levem carruagens para a viagem das crianças e das mulheres. 20 "Diga também que não fiquem preocupados com a questão de propriedades e bens, porque o que há de melhor no Egito será deles. " 21 Os filhos de Jacó seguiram as instruções que receberam. José deu carruagens a eles - como Faraó tinha mandado - e provisão para a viagem. 22 Além disso, deu a cada irmão trajes próprios para festas. Mas a Benjamim deu trezentas moedas de prata e cinco trajes próprios para ocasiões festivas. 23 José mandou para o pai dele dez jumentos carregados dos melhores produtos do Egito, e dez jumentos carregados de cereais e pães. Isto fora a provisão que mandou para a viagem de Jacó para o Egito.


24 Feito isto, José despediu os irmãos. Quando iam saindo, disse: "Olhem lá! Não briguem durante a viagem! " 25 Assim os filhos de Israel saíram do Egito e foram para casa. 26 Lá chegando, disseram a Jacó: "Veja só, pai! José está vivo! Ele é o governador de todo o território do Egito! " O coração de Jacó quase parou. Ele nem podia acreditar no que estava ouvindo! 27 Mas teve de acabar acreditando. Sim, porque os filhos foram repetindo tudo o que José tinha falado. Além disso, ali estavam as carruagens que José tinha mandado para transportar a família. Quando Jacó viu que era verdade mesmo, como que renasceu. O espírito dele ganhou nova vida. 28 Disse Israel: "Não precisam falar mais nada! Meu filho ainda vive! Vou logo para lá, pois quero ver José antes de morrer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...